Cadastre-se aqui para receber ensinamentos espirituais, a programação das atividades da nossa comunidade e dicas para impulsionar a sua caminhada espiritual.
Doação PagSeguro
Logomarca Instituto Aura Mater
Início O Instituto O Ensinamento Calendário de eventos Notícias Loja Virtual Contato

Ensinamentos da Grande Fraternidade Branca

Rituais e Orações Para Um Novo Tempo

Pessoas Unidas Para Uma Missão









 

O Ensinamento

 

O Ensinamento da Grande Fraternidade Branca

 

Chamamos “Ensinamento” o corpo de ensinamentos espirituais originados da Grande Fraternidade Branca e disponibilizados para a humanidade.

 

O Ensinamento da Grande Fraternidade Branca está presente:

 

  • na essência da maior parte das religiões do mundo;
  • nas várias instituições de cunho místico-espiritual que se  dedicam a estudar, manter e preservar para o futuro os ensinamentos espirituais essenciais à evolução da humanidade;
  • na concepção que inspira e motiva a ação de diversas instituições aparentemente mundanas, nas diversas áreas do conhecimento humano e que se dedicam a dignificar a vida no nosso planeta. Leia mais. 

 

O Ensinamento presente nas religiões

 

O Ensinamento da Grande Fraternidade Branca está presente na maior parte das religiões do mundo e em seus livros sagrados. Em cada cultura e em cada época, os ensinamentos foram revestidos das circunstâncias necessárias para atender aos diversos grupos de fiéis. Ao buscarmos com profundidade, encontraremos, na diversidade de termos e interpretações, as mesmas verdades imutáveis.

 

Acreditamos que as religiões têm uma única origem; que levam o homem à sua meta evolutiva e que os princípios essenciais que as norteiam são os mesmos. Observamos que cada religião atende a necessidades de um tempo e de uma cultura e nasce num contexto histórico, embora, na sua origem, seus ensinamentos transcendam o tempo e a cultura. Por meio de cada religião, foi transmitida uma mensagem específica que, somada às mensagens das outras religiões, compõe uma única mensagem universal em que os temas se inter-relacionam e se completam. Acreditamos que, no atual momento da história da humanidade, a pluralidade de religiões é uma necessidade.

 

No decorrer da sua história, cada religião teve interferências humanas nefastas, que distorceram alguns dos seus princípios essenciais. O comportamento moldado pelos homens para manifestar sua religiosidade, em muitos casos, acabou deturpando ainda mais a sua essência. 

 

Apesar disso, vemos as religiões como caminhos importantes para os homens entenderem a si mesmos, elevarem-se, viverem com dignidade e conviverem em harmonia. Entendemos que o ideal é que os homens vivam como irmãos, respeitando as diferentes escolhas religiosas e tendências espirituais, unindo-se por meio das semelhanças e completando-se por meio de suas diferenças. Esse respeito mútuo e a habilidade de viver sem conflitos é essencial para garantirmos a paz para a humanidade. Leia mais.

 

Ensinamentos secretos

 

Ao longo dos tempos, muitos ensinamentos espirituais de grande valor foram disponibilizados para a humanidade. No entanto, nem todos os homens conseguem acessá-los. Mesmo que esses ensinamentos pudessem estar disponíveis por meio de livros, palestras e outros meios, mais modernos e de fácil acesso, muitos deles permaneceriam ocultos à consciência dos homens. Devido aos limites e imperfeições da humanidade, esses conhecimentos podem ser incompreensíveis à pessoa que os lê ou que escuta falar sobre eles, quando ela não está capacitada espiritualmente para recebê-los.

 

Assim, há conhecimentos espirituais que são facilmente compreendidos pelas pessoas, podendo tornar-se públicos e compartilhados por uma multidão de pessoas. Outros são menos óbvios e incompreensíveis à maioria delas. Nesse último caso, esses conhecimentos são veiculados de forma mais cuidadosa, evitando-se com isso que ocorra uma interpretação indevida dos mesmos, na concepção das pessoas que ainda não tenham alcançado o nível de entendimento para apreender o seu verdadeiro significado. Sem essa reserva, com o passar do tempo, a essência do ensinamento poderia se perder para os homens, em conseqüência da adulteração que ela poderia sofrer. 

 

Em decorrência disso, grande parte do ensinamento espiritual da humanidade foi desenvolvida fora do ambiente das religiões. Ao longo do tempo, pessoas de grande evolução espiritual ocuparam-se em preservar ensinamentos que não seriam entendidos pela humanidade em geral. Formaram as Escolas de Mistérios - assim chamadas por preservarem conhecimentos que a humanidade em geral consideraria estranhos à sua compreensão - onde os ensinamentos eram guardados e transmitidos aos discípulos que demonstrassem condições de conhecê-los. As verdadeiras e milenares Escolas de Mistérios têm sido, ao longo do tempo, a forma mais segura de preservar os ensinamentos espirituais mais elevados, dadas as condições evolutivas ainda precárias da humanidade como um todo. Algumas instituições, menos herméticas, foram responsáveis pela divulgação de alguns ensinamentos espirituais mais profundos, que, aos poucos, foram sendo assimilados pela humanidade.

 

Alguns homens, conhecedores desses ensinamentos secretos, viveram discretamente; alguns, nas cidades, anônimos, levando uma vida aparentemente comum e outros em lugares mais reservados. Outros tentaram influenciar o rumo da história dos homens. Entre os grandes personagens da história da humanidade, em várias áreas do conhecimento, muitos eram conhecedores desses ensinamentos secretos. Suas ações, registradas pela história, muitas vezes eram pautadas em profundos e elevados ensinamentos espirituais. Pode-se compreender melhor esta questão quando se estuda, com mais profundidade, a vida de homens que marcaram positivamente a história da humanidade. Ainda hoje esses guardiães do ensinamento espiritual continuam realizando seu trabalho entre os homens, preservando-lhe a essência, tendo em vista o mundo de amanhã. Leia mais. 

 

O Ensinamento da Grande Fraternidade Branca

 

A Grande Fraternidade Branca é a fraternidade dos santos, sábios e Mestres de todas as eras, de todas as nações, raças, culturas e religiões, os quais, tendo alcançado a perfeição, ascencionaram. Habitando hoje planos superiores da consciência, oferecem seus ensinamentos para impulsionar a elevação espiritual da humanidade.

 

Esses grandes Mestres estiveram presentes ao longo da história da humanidade, alcançaram grande evolução e santidade e demonstraram excepcionais qualidades espirituais. Independentemente da sua religião, cultura ou raça, essas pessoas ascensionaram, num processo semelhante ao que aconteceu a Jesus, e são chamados Mestres Ascensos. Eles formam a grande fraternidade conhecida como “Grande Fraternidade Branca” e continuam hoje a inspirar os homens nas suas realizações, nos vários campos do desenvolvimento, mostrando-nos uma senda que nos permitirá chegar aos mesmos conhecimentos que os nortearam na sua trajetória neste plano da existência. Os ensinamentos espirituais mais elevados que norteiam a humanidade vieram deles.

 

A Grande Fraternidade Branca procura auxiliar a humanidade por meio de:

  • emissários, que atuam nas várias áreas do conhecimento da humanidade;
  • profetas e mensageiros ungidos (Samuel, Jeremias, Ezequiel, Isaías, entre outros);
  • mestres que trouxeram as mensagens que deram origem às diversas religiões (Buda, Jesus, Zarathustra, Maomé, entre outros);
  • mestres responsáveis por diferentes Eras (Abraão, Moisés, Jesus, Saint Germain).

 

A Grande Fraternidade Branca tem também uma vertente externa, no meio dos homens, formada por pessoas de grande valor que encontram-se encarnadas e que a representam ou trabalham para ela.

 

Emissários enviados ao

longo da história da humanidade

 

A Grande Fraternidade Branca envia aos homens emissários, alguns deles reconhecidos pela humanidade. Na Bíblia, aparecem como grandes personagens, como é o caso de Abraão, Moisés, Melquisedec, Noé, Enoc, entre outros. Muitos dos enviados da Grande Fraternidade Branca trouxeram ensinamentos que originaram as religiões e transmitiram relevantes conhecimentos espirituais, como aconteceu com Jesus, Gautama Buda, Zarathustra, Confúcios, Lao Tse, Krishna, Maomé, Akenaton. Alguns são vistos como divindades em algumas religiões: Surya, os Budas Diani, Padma Sambhava, Shakti. Outros vieram como personagens femininas: Maria, Pallas Athena, Santa Clara, Kuan Yin, Joana D’Arc. São muitas vezes reconhecidos como santos: Padre Pio, São Francisco de Assis, São Patrício, Santa Terezinha de Lisieux, Santa Teresa de Ávila.

 

Alguns dos emissários da Grande Fraternidade Branca são conhecidos como personagens misteriosos: Hermes Trimegisto, Nostradamus, o Conde de Saint Germain, Babagi. Ou como conhecedores de ensinamentos secretos: Sir Francis Bacon, Helena P. Blavatsky, Mestre M, Mestre KH, Mestre DK. Alguns, como Sanat Kumara são reverenciados pelos estudiosos dos ensinamentos secretos de várias Escolas de Mistérios.

 

Aparecem em culturas as mais diversas: Haiawatha, Yogananda, Milarepa. Tornaram-se grandes personagens da história: Washington, Abraão Lincoln, Cristóvão Colombo. Outros foram transformados em personagens lendários: Merlin, Rei Arthur, Shah Jahan, Akbar, Fídias, Leônidas, Nefertiti.

 

Alguns deles vieram como homens da ciência: Benjamin Franklin, Isaac Newton, ou das artes: Paulo Veronese, Leonardo da Vinci, Omar Kayan, Wagner, Beethoven, Maller, Homero, Shakespeare. Outros, como Pitágoras e Paracelso, transmitiram conhecimentos que mudaram a vida dos homens. 

 

Há também aqueles que recentemente estiveram entre nós: Papa João XXIII, Mary Baker, Aimée Semple Mc Pherson, Maria Montessori, Nicholas Roerich, Guy e Edna Ballard, Mark L. Prophet e Elizabeth Clare Prophet, entre outros.

 

Esses e inúmeros outros emissários da Grande Fraternidade Branca, muitos deles anônimos e desconhecidos, estiveram entre os homens e deixaram pegadas no caminho nas várias áreas do conhecimento e da história da humanidade. 

 

Mestres cujas mensagens originaram as religiões

 

As mensagens que originaram as religiões – cristianismo, hinduísmo, budismo, judaísmo, islamismo, taoísmo, confucionismo, zoroastrismo, entre outras – foram inspiradas divinamente e aqueles que as trouxeram à humanidade foram seres especialmente escolhidos para isso. A cada tempo, de acordo com a necessidade dos homens, Deus escolhe alguém para transmitir a Sua mensagem. Foi assim que Deus enviou Jesus, Buda, Maomé, Moisés, Krishna, Zarathustra, entre outros.

 

Essa mensagem muitas vezes toca o coração das multidões, que passam a viver segundo ela. Assim surgem as religiões que, com o passar do tempo, vão sendo organizadas pelos devotos, de forma a tornar possível aos grupos de seguidores viver conforme os ensinamentos que as orientam.

 

Mestres responsáveis espiritualmente pelas eras

 

Em cada época, a humanidade precisa de determinado ensinamento, adequado ao seu estado evolutivo.  Assim, a cada dois mil anos, aproximadamente, Deus providencia para que a humanidade receba ensinamentos espirituais condizentes com seu nível de compreensão da vida. Envia, então, alguém especialmente designado para trazer e demonstrar esses ensinamentos.

 

A pessoa encarregada de trazer e demonstrar essa mensagem nos tempos bíblicos, o fazia de forma viva, visível, apropriada às condições da humanidade naquela época. Assim, vieram Abraão,  Moisés, depois Jesus.

 

Dois mil anos depois, Saint Germain transmite, através dos seus mensageiros ungidos, ensinamentos apropriados para o novo nível espiritual que a humanidade alcançou. Sua mensagem dá continuidade à de Jesus, partindo do que Ele ensinou e dando-lhe prosseguimento. Daqui a dois mil anos, outro grande ser assumirá essa missão de trazer a mensagem que possibilitará à humanidade dar mais um passo evolutivo. Assim, à medida que a humanidade evolui, novos ensinamentos lhe são trazidos, como numa escola na qual o que se aprendeu num ano não invalida o que se aprendeu antes, mas completa e prepara para o que vem depois.

 

Profetas e mensageiros

 

A Grande Fraternidade Branca comunica-se com os homens. Seus ensinamentos estão disponíveis. Algumas pessoas os alcançam internamente, por meio do contato místico; outras têm acesso aos ensinamentos com a ajuda interna e externa dos Profetas e Mensageiros da Grande Fraternidade Branca - pessoas escolhidas, preparadas e ungidas para realizarem a missão especial de serem intermediárias entre os Mestres Ascensos e os homens.

 

Embora sempre existam homens santos e altamente evoluídos, em cada época a Grande Fraternidade Branca escolhe entre eles um mensageiro para que a represente entre os homens, segundo a mesma estirpe dos Profetas do Antigo Testamento. Os ensinamentos são então transmitidos ao Mensageiro através do Espírito Santo, semelhantemente ao que acontecia nos tempos bíblicos, quando a consciência do Mensageiro eleva-se, de forma a penetrar no reino celestial e acessar a mensagem que deve ser transmitida. Além de transmitir ensinamentos, o Mensageiro atua em níveis internos, estabelecendo o contato entre o discípulo e os Mestres Ascensos. Por meio dessa ligação interior, aqueles que alcançaram as condições para isso tem mais facilidade para acessar o ensinamento e compreendê-lo.

 

Reconhecemos Mark Prophet e Elizabeth Clare Prophet como os mais recentes mensageiros da Grande Fraternidade Branca, a quem os Mestres Ascensos transmitiram oficialmente os ensinamentos espirituais para nortear a humanidade durante o próximo ciclo de dois mil anos.  

 

Principais Ensinamentos

da Grande Fraternidade Branca

 

O Ser Divino

 

Deus nos criou à Sua imagem e semelhança: temos a semente da divindade dentro de nós.

 

Deus nos criou à Sua imagem e semelhança: temos a semente da divindade dentro de nós. Podemos desenvolver essa semente, para que possamos manifestar a perfeição que somos, na essência. 

 

Ascensão

 

A meda da vida do homem na Terra é a ascensão.

 

Quando tivermos alcançado o máximo de santidade e de perfeição possível para uma pessoa na Terra, ascensionaremos. Isso pode levar milhares de vidas, mas é o objetivo da existência do homem neste planeta. A busca da perfeição nos levará à ascensão, e quando atingirmos esta meta teremos transcendido a condição humana e atingido um nível de consciência muito mais elevado do que aquele que o homem, em geral, pode conceber.  

 

Falso eu

 

O "falso eu" dentro de nós deve ser trocado pelo "verdadeiro eu".

 

No processo de auto-aperfeiçoamento, precisamos reconhecer e nomear os aspectos negativos, imperfeitos e ilusórios em nós, conhecidos como “falso eu”, e aprender a substituí-los pelas virtudes do “verdadeiro eu”. O exame constante de nossos pensamentos e sentimentos, de nossas palavras e ações, acompanhado da mudança dos aspectos inferiores em superiores, nos conduz à perfeição e aproxima-nos de Deus. O “falso eu” é a antítese daquilo em que o homem deve se tornar; ele deve ser descartado, e sua ação, neutralizada.  

 

Carma

 

Tudo o que fazemos gera consequências.

 

No caminho do auto-aperfeiçoamento, cada coisa que fazemos, pensamos, sentimos ou falamos cria conseqüências boas ou ruins para nossas vidas.  A essas conseqüências chamamos carma. O carma positivo é produzido por pensamentos, sentimentos, palavras e ações corretos, que geram nas nossas vidas o retorno do bem que fizemos. O carma negativo é produzido por ações imperfeitas e cria impedimentos futuros para nós. Muitas das dificuldades que enfrentamos na vida são o resultado de uma condição cármica negativa, criada no passado remoto ou recente. Ao revivermos, no presente, a mesma situação negativa do passado, ainda que em outras circunstâncias, temos a oportunidade de refazer a situação que gerou o carma, neutralizando-a. 

 

Chama Violeta

 

Podemos acelerar o resgate do carma negativo, transmutar as imperfeições e os erros por meio da Chama Violeta.

 

Quando o homem deseja se libertar dos fardos cármicos com maior velocidade, ele pode recorrer à Chama Violeta.  A Chama Violeta é um instrumento cósmico que vem ao alcance do homem para libertá-lo da escravidão em que seus erros o lançaram. A Chama Violeta pode ser usada por meio de visualizações, mantras e decretos. O uso disciplinado e constante da Chama Violeta possibilita ao homem abreviar seu sofrimento e neutralizar seus erros com maior velocidade do que ele conseguiria se resgatasse seu carma por outros meios. A Chama Violeta foi usada reservadamente por muitos homens ao longo dos tempos. Hoje sua existência está bastante conhecida, e a humanidade pode utilizar-se dela amplamente. 

 

Reencarnação

 

A reencarnação tornou-se necessária em decorrência do acúmulo de carma negativo que geramos.

 

A reencarnação tornou-se necessária em decorrência do acúmulo de carma negativo que geramos.  Uma única vida passou a ser insuficiente para desfazer todos os erros do passado. Por outro lado, o carma da humanidade pesou sobre a condição de vida na Terra, diminuindo o tempo de vida do homem. Assim, tornou-se necessário o renascimento. Renascendo em circunstâncias diferentes, em espaços físicos variados, tendo ao nosso lado diferentes pessoas com as quais precisamos nos reencontrar, podemos mais facilmente resgatar os vários erros que cometemos e fazer aprendizados que ainda não fizemos. Os aprendizados feitos ao longo das vidas somam-se uns aos outros e, embora não tenhamos consciência plena deles, à medida que os fazemos vamos aumentando a nossa compreensão da vida e tecendo o nosso Corpo Solar Imortal.

 

Evolução

 

Os seres evoluem espiritualmente, consquistando graus crescentes da manifestação da divindade.

 

Todos os seres no universo evoluem, passando por níveis crescentes de aprendizado e aperfeiçoamento. Cada nível evolutivo conquistado serve de plataforma de lançamento para novos saltos espirituais. A evolução dos seres está diretamente ligada à sua capacidade de amar e servir e de obter mestria sobre si mesmo. Tendo alcançado o estágio mais avançado de evolução na Terra, o homem chega à ascensão e, tendo ascendido, prossegue em direção a  estados ainda mais elevados de consciência.  

 

Anjos e Seres Elementais

 

Podemos fazer contato com os anjos e seres elementais.

 

Além de ter criado o homem, Deus criou anjos e também os seres elementais, aos quais chamamos gnomos, sílfides, ondinas e salamandras. O contato com eles foi parcialmente interrompido há muito tempo, em decorrência do carma, que obscureceu a visão dos homens. Hoje, é possível ao homem retomar esse contato. Faz parte da natureza dos anjos e dos seres elementais servir: no serviço eles encontram sua plenitude.  Por isso, podemos invocar os anjos para ajudar-nos nas várias situações da nossa vida. Os seres elementais zelam pela natureza; são cuidadores e guardiães da terra, do ar, da água, das matas, dos animais, do fogo e dos corpos dos homens. Walt Disney bem os retratou em seus desenhos e hoje muitos artistas de várias categorias mencionam em suas obras esses seres que parecem ter saído do mundo da fantasia. 

 

Som, Decretos, Mantras, Música

 

O som, a palavra e a música têm poder criativo.

 

Com o verbo, Deus criou o mundo. Com o verbo, o homem, feito à imagem e semelhança de Deus, dá continuidade à criação de Deus. A palavra tem o poder de criar e, por isso, devemos escolher criteriosamente as palavras que pronunciamos e usá-las corretamente, para que nossa vida expresse realmente aquilo que queremos para ela. A palavra não deve ser usada negligentemente. Assim como a palavra, o som e a música têm poder de criar tanto o bem como o mal. Os Mestres Ascensos ensinam a ciência da potencialização da palavra para fins espirituais, através da entoação de mantras e decretos. E nos orientam a respeito da música que eleva nosso ser e sobre aquela que pode nos influenciar negativamente.  

 

Matéria: Templo da Mãe Divina

 

A matéria é sagrada.

 

Deus é espírito e matéria, Pai e Mãe, Alfa e Ômega. Podemos imaginar Sua luz desacelerando-se e densificando-se de forma gradual, desde o espírito até a matéria. A matéria, portanto, é, na sua essência, sagrada. Ela é potencialmente dotada de perfeição, mas o homem, em seu livre arbítrio, tem usado muitas vezes seu corpo e o corpo planetário de forma incorreta e negligente. Em decorrência disso, a vida material tem sido deturpada e degradada. Isso faz com que a base física da vida esteja fraca para ancorar todo o potencial do espírito.  Os cuidados com a natureza, a preservação ambiental e ecológica, os cuidados com a saúde são expressões de valorização do templo da Mãe Divina. 

 

Chama Gêmea

 

Cada um de nós tem uma Chama Gêmea.

 

As Chamas Gêmeas foram criadas juntas, por Deus, como um só ser. Desceram do plano espiritual e deveriam ter-se mantido unidas, ainda que em corpos separados, feminino e masculino. No entanto, separaram-se por causa do carma, e a necessidade de transmutá-los fez com que ficassem distantes uma da outra. Apesar disso, o grande amor que as une faz com que sempre se busquem. A Chama Gêmea de cada pessoa é única; é a sua outra metade. Encontrar a Chama Gêmea é importante para que possamos manifestar a unidade na qual fomos criados. 

 

Abundância

 

A abundância é uma condição natural do homem.

 

A abundância está presente em todo o universo. O homem, quando livre das condições limitadoras que o cerceiam, naturalmente expressa a abundância na sua vida. Nem toda riqueza é alcançada de forma correta e essa constatação muitas vezes faz com que as pessoas pensem que a riqueza deve ser evitada. Há leis espirituais que regem a abundância, visando levar o homem a conquistar os bens materiais necessários à manifestação da sua missão e da sua vida. A abundância está relacionada à manutenção do fluxo entre o que se dá e o que se recebe. A generosidade é um dos princípios espirituais mais elevados,  a chave para a obtenção de riquezas espirituais e materiais. O dízimo é uma das expressões da generosidade e um dos fundamentos da Lei da Abundância. 

 

Falsos Ensinamentos e Falsos Pastores

 

Existem falsos pastores, falsos gurus e falsos ensinamentos no mundo.

 

Há magos negros, anjos caídos, demônios e anticristos no mundo e muitos deles estão disfarçados. Procuram esconder sua ambição, seu orgulho, seu desejo de poder para atuarem mais livremente; transmitem falsos ensinamentos, misturam verdades com mentiras para enganar. Tentam distorcer o verdadeiro sentido espiritual do conhecimento; usam a ingenuidade e a sede espiritual dos buscadores para enganá-los. Podem ser encontrados até mesmo no meio das religiões e instituições que se dizem espirituais. Muitos deles são falsos pastores e seu aparecimento nos nossos dias foi profetizado no Apocalipse. Só um grande discernimento pode nos fazer diferenciar o falso pastor do verdadeiro pastor. 

 

A Senda

 

Existe uma senda que leva o homem à perfeição.

 

À medida que transmutam seu carma, as pessoas vão se elevando espiritualmente. Nesse processo de elevação, os valores da sua alma são testados e elas passam por provas espirituais. Tendo passado nesses testes, alcançam maior santidade e podem prestar maior serviço à vida. Há testes espirituais mais avançados, desconhecidos pela maior parte da humanidade, tais como a “noite escura” e  “estações da cruz” e outros, que incluem o total despojamento de si mesmo, a renúncia aos aspectos inferiores da vida, a crucificação do ego. Para o homem ascensionar, é necessário provar sua capacidade de amar em circunstâncias extremas e a capacidade de entregar todas as conquistas para que possam beneficiar a vida em geral. A compaixão, o serviço abnegado, o amor impessoal e incondicional a todos os seres levam uma pessoa à iluminação. No estado de plena iluminação, ela conhece Deus, em vida, de forma superior àquela pela qual os homens em geral O conhecem. O desfecho da trajetória de todos os seres na Terra é a perfeição, a iluminação, a ascensão.

 

Mais Informações sobre os Principais Ensinamentos

 

Você encontrará neste site informações sobre vários ensinamentos de nível introdutório. Os ensinamentos de nível básico em diante serão disponibilizados posteriormente.

 

Veja os tópicos abaixo. A cada título corresponde um texto.

 

Textos para Estudo

 

Parte 1

  1. A busca da pérola de grande valor 
  2. A pérola verdadeira e a pérola falsa 
  3. Ensinamentos esotéricos e exotéricos 
  4. Todos os rios levam ao mar 
  5. Consciência das Massas 
  6. A vida espiritual: por trás dos mitos 
  7. Dificuldades iniciais do estudante dos ensinamentos 
  8. A Grande Fraternidade Branca 
  9. O ensinamento da Grande Fraternidade Branca 
  10. Principais ensinamentos da Grande Fraternidade Branca 
  11. Amor, síntese do Ensinamento 

 

Parte 2

  1. A Volta para casa
  2. Os sete corpos do homem 
  3. A Presença Eu Sou 
  4. Os chacras 
  5. Os sete raios 
  6. Ascensão
  7. Saint Germain e a Chama Violeta
  8. O poder criativo do som
  9. Ritual Sagrado
  10. O Falso Eu 
  11. Carma  
  12. Anjos, elementais e homens 
  13. Retiros etéreos da Grande Fraternidade Branca 
  14. Abundância 
  15. A Mãe Divina
  16. Ensinamentos sobre a saúde 
  17. Chamas gêmeas 
  18. História espiritual da Terra 
  19. Hierarquia espiritual 
  20. Falsa hierarquia e falsos ensinamentos 
  21. A senda espiritual 
  22. Viver o ensinamento 
  23. A prática do ensinamento em pequenas lições 
 
O Instituto Aura Mater
  Missão
  Fonte de Estudos
  História
  Atividades

Comunidade Aura Mater
   Palestras
   Mensagens da equipe
   Espaço da criança
   Espaço Aura Jovem
O Ensinamento
  O que é o Ensinamento
  A Grande Fraternidade Branca
  O Ensinamento presente nas religiões
  Ensinamentos secretos
  Emissários enviados ao longo da história da humanidade
  Mestres cujas mensagens originaram as religiões
  Mestres responsáveis espiritualmente pelas eras
  Profetas e mensageiros
  Principais Ensinamentos
Sessões
   Bem-vindo aos ensinamentos!
   Calendário
   Notícias do Instituto Aura Mater
   Mensagem da Diretora Espiritual
   Orações
   Ensinamentos
   Áudio, vídeo e imagens
   Corpo Místico
   Loja virtual
Redes sociais
Instituto Aura Mater no Youtube Instituto Aura Mater no Facebook
Instituto Aura Mater | 2017 - Todos os direitos reservados - (31) 3264-6206 - (31) 8647 1745